Imprensa livre e independente
01 de janeiro de 2018, 10h52

Doria cancela inauguração de viaduto Dona Marisa

O prefeito tucano de São Paulo mandou cancelar o evento de inauguração do viaduto Dona Marisa Letícia, que estava marcado para quarta-feira (3).

O prefeito tucano de São Paulo mandou cancelar o evento de inauguração do viaduto Dona Marisa Letícia, que estava marcado para quarta-feira (3). Da Redação* O prefeito João Doria (PSDB) mandou cancelar o evento de inauguração do viaduto Dona Marisa Letícia, que estava marcado para quarta-feira (3). A homenagem à mulher de Lula, morta em fevereiro de 2017, foi assinada pelo prefeito interino Milton Leite (DEM). Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais. O tucano também determinou que a via na zona sul da cidade seja aberta aos veículos já nesta terça...

O prefeito tucano de São Paulo mandou cancelar o evento de inauguração do viaduto Dona Marisa Letícia, que estava marcado para quarta-feira (3).

Da Redação*

O prefeito João Doria (PSDB) mandou cancelar o evento de inauguração do viaduto Dona Marisa Letícia, que estava marcado para quarta-feira (3). A homenagem à mulher de Lula, morta em fevereiro de 2017, foi assinada pelo prefeito interino Milton Leite (DEM).

Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais.

O tucano também determinou que a via na zona sul da cidade seja aberta aos veículos já nesta terça (2). No último dia 30, Milton Flávio, secretário interino de governo da prefeitura de São Paulo, havia se negado a assinar o documento com a sanção da lei que deu o nome da ex-primeira-dama a um viaduto da capital paulista. “Se não tivesse falecido, ela estaria condenada junto com o Lula. Ela não merece a homenagem”, disse o secretário de Doria.

*Com informações da coluna Painel da Folha de S.Paulo

Foto: Secom

 

Veja também:  Em nota, Gleisi rebate general Heleno: “Expõe ódio patológico a Lula e ameaça instituições”

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum