14 de novembro de 2018, 19h59

Durante depoimento, Lula diz que sua prisão é um troféu da Lava Jato. Vídeo

Em interrogatório, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez críticas indiretas a Moro, dizendo que o juiz foi "obrigado" a condená-lo no processo do tríplex e questionou a juíza substituta

(Foto: Reprodução Youtube)

Durante interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no processo da Operação Lava Jato sobre o sítio de Atibaia (SP), nesta quarta-feira (14), Lula fez críticas indiretas a Sérgio Moro, dizendo que o juiz foi “obrigado” a condená-lo no processo do triplex. Além disso, afirmou que sua prisão seria um “prêmio” da Operação Lava Jato.

Lula foi ouvido pela juíza Gabriela Hardt, que substitui Sérgio Moro, que entrou de férias desde que aceitou o convite para ser o ministro da Justiça do presidente eleito Jair Bolsonaro. Depois das críticas ao juiz, Gabriela pediu que o ex-presidente respeitasse o magistrado. 

“Eu era um troféu que a Lava Jato precisava entregar. Não sei por que que não gostam de mim, mas era um troféu que precisava entregar. Eu via pela imprensa vários jornalistas dizendo que ‘se não entregar o Lula não vale, se o Lula não for preso, não vale'”, disse o ex-presidente.

Assista ao depoimento 

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você não pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais