Imprensa livre e independente
17 de março de 2019, 09h43

Eduardo Bolsonaro vai ao Estados Unidos e fala mal de brasileiros

Deputado federal participou de um evento em Washington em que disse que brasileiros ilegais no exterior são "vergonha"; ele ainda defendeu que os Estados Unidos continuem exigindo visto de brasileiros, mesmo que o Brasil isente os norte-americanos

Foto: Paola de Orte/Agência Brasil
O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, participou de um evento em Washington, nos Estados Unidos, na noite deste sábado (16), em que falou mal de brasileiros que vivem em situação irregular no exterior. Para o parlamentar, que é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, os EUA não devem isentar cidadãos brasileiros de visto para entrar no país, mesmo que Bolsonaro tenha anunciado que vai acabar com visto para estadunidenses entrarem no Brasil. “Quantos americanos vão vir morar ilegalmente no Brasil, aproveitar essa brecha para entrar aqui como turista e passar a viver ilegalmente? Agora vamos...

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, participou de um evento em Washington, nos Estados Unidos, na noite deste sábado (16), em que falou mal de brasileiros que vivem em situação irregular no exterior.

Para o parlamentar, que é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, os EUA não devem isentar cidadãos brasileiros de visto para entrar no país, mesmo que Bolsonaro tenha anunciado que vai acabar com visto para estadunidenses entrarem no Brasil.

“Quantos americanos vão vir morar ilegalmente no Brasil, aproveitar essa brecha para entrar aqui como turista e passar a viver ilegalmente? Agora vamos fazer a pergunta contrária: se os EUA permitirem que o brasileiro entre lá sem visto, quantos brasileiros vão para os Estados Unidos se passando por turistas e vão passar a viver ilegalmente aqui? (…) Um brasileiro ilegalmente fora do país é problema do Brasil, isso é vergonha nossa, para a gente”, disse.

Leia também
Um dia após atentado, Bolsonaro usa live de 15 minutos para enaltecer parceria com os EUA

Veja também:  Veja desembarca da Lava Jato e pede "punição" a Moro e Dallagnol

A declaração foi dada em um evento de exibição do documentário “O Jardim das Aflições”, sobre o “filósofo” Olavo de Carvalho, um dos gurus do presidente Jair Bolsonaro, que deve embarca para os EUA ainda neste domingo (17).

Na segunda-feira (18), o presidente brasileiro se encontrará com Donald Trump.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum