Seja Sócio Fórum
19 de setembro de 2018, 22h11

Em vídeo de apoio, ex-diretor da Unesco compara Lula a Mandela

"Para nós, hoje, você é símbolo da luta pela democracia no mundo, como Mandela foi o símbolo da luta contra o racismo", disse Pierre Sané em um vídeo de solidariedade ao ex-presidente Lula. Assista

Divulgação
Pierre Sané, ex-diretor-geral adjunto da Unesco e ex-secretário-geral da Anistia internacional, gravou um vídeo de solidariedade a Lula que foi divulgado nesta quarta-feira (19) pelo site do ex-presidente. No vídeo, Sané chega a comparar Lula com Nelson Mandela. “Para nós, hoje, você é símbolo da luta pela democracia no mundo, como Mandela foi o símbolo da luta contra o racismo”. O ex-diretor da Unesco, que é senegalês, contou ainda no vídeo que seu país “copiou” o Bolsa Família, uma das principais marcas dos governos Lula no Brasil. “Mas o que realmente nós da África agradecemos é que você deu concretude...

Pierre Sané, ex-diretor-geral adjunto da Unesco e ex-secretário-geral da Anistia internacional, gravou um vídeo de solidariedade a Lula que foi divulgado nesta quarta-feira (19) pelo site do ex-presidente.

No vídeo, Sané chega a comparar Lula com Nelson Mandela. “Para nós, hoje, você é símbolo da luta pela democracia no mundo, como Mandela foi o símbolo da luta contra o racismo”.

O ex-diretor da Unesco, que é senegalês, contou ainda no vídeo que seu país “copiou” o Bolsa Família, uma das principais marcas dos governos Lula no Brasil. “Mas o que realmente nós da África agradecemos é que você deu concretude às obrigações que os governos têm de cumprir seus compromissos no que se refere aos direitos sociais, econômicos e culturais. No Senegal, por exemplo, nós adotamos o Bolsa Família, que copiamos do Brasil”, revelou.

Em maio deste ano, Sané foi uma das personalidades internacionais que aderiram à campanha em prol de Lula como indicado ao Prêmio Nobel da Paz.

Assista ao vídeo de apoio ao ex-presidente.

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum