Imprensa livre e independente
01 de fevereiro de 2017, 14h47

Encontro Nacional de Grêmios conta com a presença do ex-prefeito Fernando Haddad

Haddad participou na qualidade de professor e ex-ministro da Educação, e afirmou não entender esta proposta de reformulação do ensino médio do governo Temer Por Taz Assunção, colaborador da Rede Fórum De Fortaleza (CE) Nesta terça-feira (31), em Fortaleza (CE), o III Encontro Nacional de Grêmios da UBES debateu a reformulação do ensino médio, numa contraproposta da MP apresentada pelo governo de Michel Temer. O ex-prefeito Fernando Haddad participou na qualidade de professor e ex-ministro da Educação, e afirmou não entender esta proposta de reformulação, já que o projeto do atual governo não apresenta como ela se dará. Os estudantes...

Haddad participou na qualidade de professor e ex-ministro da Educação, e afirmou não entender esta proposta de reformulação do ensino médio do governo Temer

Por Taz Assunção, colaborador da Rede Fórum

De Fortaleza (CE)

Nesta terça-feira (31), em Fortaleza (CE), o III Encontro Nacional de Grêmios da UBES debateu a reformulação do ensino médio, numa contraproposta da MP apresentada pelo governo de Michel Temer.

O ex-prefeito Fernando Haddad participou na qualidade de professor e ex-ministro da Educação, e afirmou não entender esta proposta de reformulação, já que o projeto do atual governo não apresenta como ela se dará.

Os estudantes de todo o Brasil rebatem as ações e projetos da atual gestão, afirmando que as propostas não tratam os estudantes da forma devida, apresentando formas de combater os problemas sociais encontrados no ambiente escola, assim como não prepara o indivíduo para nada além de um único lugar do mercado de trabalho, o de operário limitado e precarizado.

O encontro que teve duração de três dias debateu temas como direitos LGBT e das mulheres, inovações científicas e tecnológicas no ambiente escolar, assim como políticas públicas afirmativas voltadas para uma nova juventude e um nova geração de estudantes, cada vez mais politizados e conscientes de seus deveres e direitos.

Veja também:  Diante da pressão popular, governo recua e libera parte dos recursos para a Educação

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum