Imprensa livre e independente
04 de setembro de 2018, 08h25

Fernando Pimentel é absolvido por unanimidade da acusação de caixa 2

O relator da ação no TRE, juiz Ricardo Matos de Oliveira, afirmou haver indícios de irregularidades contábeis, mas disse que não houve comprovação de caixa 2

Fernando Pimentel. Foto: Foto: Roosewelt Pinheiro/Abr
O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), foi absolvido pelo TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais) por 7 votos a 0 da acusação de caixa 2 referente à eleição de 2014. O relator da ação no TRE, juiz Ricardo Matos de Oliveira, afirmou haver indícios de irregularidades contábeis, mas disse que não houve comprovação de caixa 2. “Diante do conjunto probatório contido nos autos do qual não se extraem certezas, mas meras presunções, não se pode impor aos representados a grave penalidade prevista na norma – a cassação do cargo do governador eleito pela soberania popular”, concluiu o...

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), foi absolvido pelo TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais) por 7 votos a 0 da acusação de caixa 2 referente à eleição de 2014.

O relator da ação no TRE, juiz Ricardo Matos de Oliveira, afirmou haver indícios de irregularidades contábeis, mas disse que não houve comprovação de caixa 2.

“Diante do conjunto probatório contido nos autos do qual não se extraem certezas, mas meras presunções, não se pode impor aos representados a grave penalidade prevista na norma – a cassação do cargo do governador eleito pela soberania popular”, concluiu o relator, que teve seu voto acompanhado pelos outros seis juízes da corte.

O julgamento começou na quinta-feira passada (30), mas foi interrompido por um pedido de vista e terminou nesta segunda-feira (3), com decisão unânime em favor do governador. A ação pedia a cassação de Pimentel e a perda dos direitos políticos por oito anos.

De acordo com a denúncia, o então candidato ao governo tinha conhecimento da existência de R$ 25 milhões de origem ilegal (caixa 2) em sua campanha em 2014.

Veja também:  Em meio a escândalo da Vaza Jato, Moro deve participar de Marcha para Jesus

Leia mais no UOL

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum