#FÓRUMCAST
13 de julho de 2018, 16h43

Flávio Rocha desiste da candidatura à presidência da República

O novo quadro abre a possibilidade de o PRB apoiar outro candidato na corrida ao Planalto. As maiores possibilidades são de fechar com Ciro Gomes (PDT) ou Geraldo Alckmin (PSDB), este último favorito

Foto: Reprodução/Twitter Flávio Rocha

Flávio Rocha (PRB), dono das lojas Riachuelo, abriu mão de ser candidato à presidência da República, segundo informou Daniela Lima, da coluna Painel, da Folha de S.Paulo. A divulgação da desistência deve ser oficializada ainda nesta sexta-feira (13). O novo quadro abre a possibilidade de o PRB apoiar outro candidato na corrida ao Planalto. As maiores possibilidades são de fechar com Ciro Gomes (PDT) ou Geraldo Alckmin (PSDB), este último favorito.

Aliados do empresário afirmam que a retirada será justificada como um gesto a favor do país e contra “o flerte com os extremos”. O PRB deve fazer um apelo pela união das forças de centro em torno de um único projeto.

Ao desistir da candidatura, Rocha dirá que abre espaço para o diálogo sobre a construção de uma proposta “mais equilibrada para o Brasil”. Neste sábado (14), os presidentes dos quatro partidos do chamado centrão – PRB, DEM, PP e Solidariedade – se encontram em São Paulo para definir o rumo do bloco.