03 de agosto de 2017, 10h10

Gregório Duvivier diz que Dilma deu mole: “Deveria ter recebido uma mala com 500 mil”

A metralhadora giratória do humorista disparou ótimas frases ontem, logo após a fatídica votação.

A metralhadora giratória do humorista disparou ótimas frases ontem, logo após a fatídica votação.

Da Redação

Ironizando a votação desta quarta-feira (2), na Câmara dos Deputados, que barrou a denúncia contra Michel Temer, o humorista Gregório Duvivier postou nas redes sociais que Dilma deveria retirado direitos trabalhistas, assim não teria sofrido impeachment.

“Dilma devia ter retirado direitos trabalhistas, congelado os investimentos em saúde, educação e segurança por 20 anos, se reunido às escondidas com um investigado no porão do Palácio para dar aval a compra do silêncio de Eduardo Cunha e por fim ter recebido uma mala com 500 mil reais em propina. Assim não teria sido afastada. Deu mole”, completou.

O humorista ainda soltou outra boa frase, ironizando um mote repetido por vários deputados durante a votação:

“Sou favorável à investigação de temer após o fim do mandato” = “sou favorável à prisão do goleiro bruno só depois do fim do brasileirão”, postou na sua conta do Twitter.