07 de novembro de 2018, 22h04

Haddad faz primeira visita a Lula após eleições, mas não revela teor da conversa

Eles ficaram mais de duas horas juntos, mas o conteúdo da conversa não foi revelado por Haddad, segundo o boletim do Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Foto: Divulgação/Instituto Lula

Depois de se encontrar com o ex-presidente Lula pela primeira vez, após a realização do segundo turno das eleições presidenciais, o ex-prefeito de São Paulo e candidato da coligação “O Povo Feliz de Novo”, Fernando Haddad deixou a superintendência da Polícia Federal em Curitiba sem revelar o teor da conversa de ambos.

De acordo com informações do boletim divulgado pelo Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia, “O ex-presidente Lula, preso político há 215 dias em Curitiba, recebeu nessa quarta-feira (7) a visita do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, que disputou a Presidência da República pela chapa “O Povo Feliz de Novo”. Foi a primeira vez que eles se encontraram desde a realização do segundo turno da eleição presidencial. Eles ficaram mais de duas horas juntos, mas o conteúdo da conversa não foi revelado por Haddad”, relata o texto divulgado à imprensa.

Nesta quinta-feira (8) será a vez de o ex-presidente Lula receber as visitas do deputado e líder da bancada do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), e do coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos. Depois do encontro, Pimenta e Boulos devem atender à imprensa, por volta de 17 horas, em frente à superintendência da Polícia Federal de Curitiba.