29 de outubro de 2018, 17h46

“Hoje eu volto a dar aula”, diz Haddad apenas um dia após derrota na eleição

Atualmente, ex-presidenciável é professor na pós-graduação e no doutorado do Insper

Reprodução
O candidato derrotado no segundo turno da eleição presidencial, Fernando Haddad (PT), informou nesta segunda-feira (29), um dia após a confirmação da vitória de Jair Bolsonaro (PSL), que voltará a dar aulas. Abordado pela equipe da Globo na rua, o petista disse que foi “pegar material” para trabalhar. “Hoje eu volto a dar aula, volto a ser professor. Foram 90 dias de licença”. Pela manhã, o ex-presidenciável, pelo Twitter, desejou “sucesso” ao presidente eleito. Haddad, que é bacharel em Direito, mestre em Economia e Doutor em Filosofia, atualmente é professor licenciado de ciência política da Universidade de São Paulo (USP)...

O candidato derrotado no segundo turno da eleição presidencial, Fernando Haddad (PT), informou nesta segunda-feira (29), um dia após a confirmação da vitória de Jair Bolsonaro (PSL), que voltará a dar aulas.

Abordado pela equipe da Globo na rua, o petista disse que foi “pegar material” para trabalhar. “Hoje eu volto a dar aula, volto a ser professor. Foram 90 dias de licença”. Pela manhã, o ex-presidenciável, pelo Twitter, desejou “sucesso” ao presidente eleito.

Haddad, que é bacharel em Direito, mestre em Economia e Doutor em Filosofia, atualmente é professor licenciado de ciência política da Universidade de São Paulo (USP) e dá aulas para a graduação e o doutorado do Insper, instituição privada de ensino superior especializada em Economia e Administração.