19 de novembro de 2018, 08h50

Idosa de 106 anos é assassinada a pauladas após roubo de R$ 30 no Maranhão

Conhecida carinhosamente pela população como Antônia do Padre, ela foi assassinada a pauladas na madrugada do último sábado (17) dentro da sua casa, no município de Feira Nova do Maranhão, a 803 km de São Luís.

Foto Reprodução Youtube

Antônia Conceição da Silva, de 106 anos, conhecida carinhosamente pela população como Antônia do Padre foi assassinada a pauladas na madrugada do último sábado (17) dentro da sua casa, no município de Feira Nova do Maranhão, a 803 km de São Luís. De acordo com a Polícia Civil, a principal suspeita é de latrocínio.

Segundo a polícia, o corpo da idosa estava com sinais de estrangulamento e espancamento. Três pessoas já foram ouvidas pela polícia e a principal linha de investigação é latrocínio, já que foram levados R$ 30 reais que estavam com a vítima.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Dona Antônia deu uma entrevista no Dia das Mães, durante uma festa promovida pela prefeitura de Feira Nova, no vídeo ela diz que o segredo da longevidade é ter sossego na vida e saúde “o segredo é ter sossego nessa vida e saúde dentro do corpo”, disse em entrevista para a TV local.

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA) informou que a Polícia Civil Regional do município de Balsas já está investigando o crime e o caso será conduzido pela Delegacia Municipal de Riachão.

A idosa era uma das moradoras mais antigas do município de Feira Nova do Maranhão, que tem pouco mais de oito mil habitantes e havia completado 106 anos no mês passado.

Veja na íntegra da nota da Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA)

“A Polícia Civil do Maranhão informa que o crime contra Antônia Conceição da Silva, de 106 anos, ocorreu na madrugada deste sábado (17), dentro da casa da idosa, em Feira Nova do Maranhão.

A Polícia Civil da Regional de Balsas, em parceria com a Polícia Militar de Feira Nova do Maranhão está realizando as oitivas para elucidar o fato. A princípio, a suspeita é de latrocínio.

As investigações devem ser conduzidas pela Delegacia Municipal de Riachão, onde o inquérito tramitará neste primeiro momento.”

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais