Imprensa livre e independente
04 de setembro de 2018, 07h49

Incêndio destrói casarão na Baixa dos Sapateiros em Salvador

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou por volta das 21h40. A causa do incêndio ainda é desconhecida, de acordo com os bombeiros de Salvador e não há informações sobre vítimas fatais.

Na noite desta segunda-feira (3), um incêndio de grandes proporções destruiu um casarão localizado na avenida J.J Seabra, na Baixa dos Sapateiros, em Salvador. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou por volta das 21h40. Cinco caminhões e quatro carros-pipa foram mobilizados para combater as chamas. Até as 23h50, cerca de 40 bombeiros trabalhavam para controlar o fogo no prédio de dois andares e impedir que se alastrasse para os outros imóveis. A causa do incêndio ainda é desconhecida, de acordo com os bombeiros e não há informações sobre vítimas fatais. Veja também:  Em mais um recuo, Bolsonaro mantém evento da ONU sobre mudanças climáticas...

Na noite desta segunda-feira (3), um incêndio de grandes proporções destruiu um casarão localizado na avenida J.J Seabra, na Baixa dos Sapateiros, em Salvador.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou por volta das 21h40. Cinco caminhões e quatro carros-pipa foram mobilizados para combater as chamas.

Até as 23h50, cerca de 40 bombeiros trabalhavam para controlar o fogo no prédio de dois andares e impedir que se alastrasse para os outros imóveis.

A causa do incêndio ainda é desconhecida, de acordo com os bombeiros e não há informações sobre vítimas fatais.

Veja também:  Bolsonaro divulga vídeo de pastor que diz que ele foi "escolhido por Deus" para comandar o Brasil

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum