04 de dezembro de 2018, 20h52

Internautas pedem que MasterChef boicote o Carrefour após morte de cachorro

“Vão continuar usufruindo de produtos de supermercado que maltratar seres indefesos?”, questionou uma seguidora. A Band não quis se manifestar a respeito do assunto

Foto: Divulgação/Band

A morte de um cachorro, violentamente espancado e envenenado, supostamente por um segurança da unidade de Osasco do Carrefour, continua provocando revolta e inúmeros protestos, especialmente nas redes sociais. Vários internautas passaram a solicitar que o MasterChef, transmitido pela TV Bandeirantes, interrompa as propagandas da rede de hipermercados no programa, de acordo com informações do site Claudia.

O episódio que vai ser veiculado nesta terça-feira (4) é a fase semifinal da temporada. Nos posts que servem para promover o MasterChef nas redes sociais, aparecem muitas mensagens pedindo o fim do patrocínio.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

“Vão continuar usufruindo de produtos de supermercado que maltratar seres indefesos?”, questionou uma seguidora. A Band não quis se manifestar a respeito do assunto.

De acordo com uma nota divulgada pelo Departamento de Fauna e Bem Estar Animal da cidade, o cão deu entrada no órgão com sangramento, pressão baixa, mucosas anêmicas, hipotermia intensa, vômito com sangue e escoriações múltiplas.

Famosos

A atriz e humorista Tatá Werneck também mostrou sua indignação. “Não sei nem o que dizer. Espero que o Carrefour tome a iniciativa de, a partir de hoje, salvar milhões de cães e gatos abandonados. Dane-se. Se vira. Não sei como os responsáveis conseguem dormir sabendo do mal que fizeram. Parem de dar respostas prontas e sejam humanos pelo menos agora”, escreveu a humorista.

Outros artistas comentaram no post de Tatá. Angélica afirmou que o caso é um “absurdo” e Fafá de Belém comentou “que horror”. Marisa Orth, Giovana Lancellotti, Mari Moon, Evandro Mesquita, Jennifer Nascimento, Marcelo Serrado, João Vitti, Solange Couto, Maria Flor e várias outras personalidades também se indignaram com o que ocorreu.

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais