Imprensa livre e independente
28 de janeiro de 2019, 22h17

Jornal francês l’Humanité dedica capa para campanha Lula Nobel da Paz

Um dos jornais de esquerda mais tradicionais do mundo, o francês l'Humanité irá às bancas nesta terça-feira (29) com uma capa dedicada à campanha Lula Nobel da Paz, que já conta com mais de 500 mil assinaturas; ex-presidente brasileiro já é o candidato de figuras como Adolfo Pérez Esquivel e Angela Davis

Reprodução/l'Humanité
A campanha em prol da indicação do ex-presidente Lula para ser Prêmio Nobel da Paz já começou com apoios internacionais e, nesta terça-feira (29), estampará a capa do francês l’Humanité, um dos mais tradicionais jornais de esquerda do mundo. Idealizada pelo ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel, que já foi ganhador do prêmio, a indicação de Lula para Nobel da Paz já conta com mais de 500 mil assinaturas. Entre seus apoiadores, estão figuras como o linguista norte-americano Noam Chomsky, o ator Danny Glover e a escritora e ativista Angela Davis. Isso sem falar das dezenas de juristas, professores, políticos e...

A campanha em prol da indicação do ex-presidente Lula para ser Prêmio Nobel da Paz já começou com apoios internacionais e, nesta terça-feira (29), estampará a capa do francês l’Humanité, um dos mais tradicionais jornais de esquerda do mundo.

Idealizada pelo ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel, que já foi ganhador do prêmio, a indicação de Lula para Nobel da Paz já conta com mais de 500 mil assinaturas. Entre seus apoiadores, estão figuras como o linguista norte-americano Noam Chomsky, o ator Danny Glover e a escritora e ativista Angela Davis. Isso sem falar das dezenas de juristas, professores, políticos e intelectuais de todos os lugares do mundo que já aderiram à causa.

“O Nobel da Paz para Lula”, diz a chamada de capa do jornal francês, que destaca a luta de Lula contra a fome no Brasil e o classifica como um “preso político”. “Um exemplo mundial de luta contra a pobreza”, destacou o periódico na matéria que inspirou a capa.

A divulgação da campanha Lula Nobel da Paz pelo jornal francês vem às vésperas do encerramento da votação para indicação ao prêmio, no dia 31. Podem votar, neste link, membros de assembleias nacionais e governos nacionais soberanos; membros do Tribunal Internacional de Justiça em Haia; membros do Institut de Droit Internacional; professores universitários, professores eméritos e professores associados de história, ciências sociais, direito, filosofia, teologia e religião; reitores e diretores universitários; diretores de institutos de pesquisa da paz e institutos de política externa; pessoas que receberam o Prêmio Nobel da Paz; membros da diretoria principal de organizações que receberam o Prêmio Nobel da Paz; e membros, ex-membros e ex-assessores do Comitê Norueguês do Nobel.

Veja também:  Ex-jogador francês Michel Platini, que presidiu a Uefa, é preso por corrupção

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum