Imprensa livre e independente
16 de fevereiro de 2017, 15h35

Juca Ferreira é o novo colunista da Fórum

Ministro da Cultura dos governos de Lula e Dilma, o sociólogo será responsável por textos semanais. O primeiro deles, intitulado 'Silêncio ensurdecedor e boca aberta', você confere a seguir.

Ministro da Cultura dos governos de Lula e Dilma, o sociólogo será responsável por textos semanais. O primeiro deles, intitulado ‘Silêncio ensurdecedor e boca aberta’, você confere a seguir Por Redação Ministro da Cultura dos governos de Luiz Inácio Lula da Silva (2008-2010) e de Dilma Rousseff (2015-2016), o sociólogo Juca Ferreira estreia nesta quinta-feira (16) como colunista semanal da Fórum. Em seu primeiro texto, intitulado Silêncio ensurdecedor e boca aberta, ele comenta a paralisia do governo de Michel Temer diante de temas fundamentais para a classe artística. Juca nasceu na Bahia e dedicou sua trajetória profissional às ações culturais...

Ministro da Cultura dos governos de Lula e Dilma, o sociólogo será responsável por textos semanais. O primeiro deles, intitulado ‘Silêncio ensurdecedor e boca aberta’, você confere a seguir

Por Redação

Ministro da Cultura dos governos de Luiz Inácio Lula da Silva (2008-2010) e de Dilma Rousseff (2015-2016), o sociólogo Juca Ferreira estreia nesta quinta-feira (16) como colunista semanal da Fórum. Em seu primeiro texto, intitulado Silêncio ensurdecedor e boca aberta, ele comenta a paralisia do governo de Michel Temer diante de temas fundamentais para a classe artística.

Juca nasceu na Bahia e dedicou sua trajetória profissional às ações culturais e ambientais. Foi líder estudantil secundarista, ingressou na resistência ao regime militar e passou nove anos exilado no Chile, na Suécia e na França. De volta ao Brasil, trabalhou como assessor especial da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) e, nos anos 1990, foi secretário municipal de Meio Ambiente de Salvador.

Foi eleito ainda duas vezes como vereador do município de Salvador, de 1993 a 1996 e de 2000 a 2004. Durante sua última legislatura, em 2003, foi chamado pelo ministro Gilberto Gil a assumir o cargo de Secretário-Executivo do Ministério da Cultura, onde permaneceu durante cinco anos e meio.

Em agosto de 2008, foi convidado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para assumir o cargo de Ministro da Cultura. Entre 2013 e 2014, foi Secretário de Cultura do Município de São Paulo, na gestão de Fernando Haddad, e voltou ao comando do Ministério em 30 de dezembro de 2014, com a reeleição de Dilma Rousseff.

Foto: Agência Brasil

Veja também:  Prefeito de Dallas se recusa a dar boas vindas e participar de eventos com Bolsonaro

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum