Imprensa livre e independente
18 de junho de 2017, 10h11

Leitores se revoltam com Revista Época e dizem que entrevista de Joesley é armação da Globo

Da Redação A entrevista com Joesley Batista, do grupo JBS, na revista Época, não agradou leitores. Com o título, “Temer é o chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil”, a matéria traz acusações do empresário contra o presidente. Segundo Batista, o ex-ministro Geddel Vieira Lima era o mensageiro de Temer, que cobrava o suposto pagamento de propinas para que o ex-deputado Eduardo Cunha se mantivesse em silêncio. Já sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Joesley Batista afirma: “Nunca tive conversa não republicana com o Lula. Zero”. Joesley gravou conversas com o presidente Michel Temer (PMDB) e com o...

Da Redação

A entrevista com Joesley Batista, do grupo JBS, na revista Época, não agradou leitores. Com o título, “Temer é o chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil”, a matéria traz acusações do empresário contra o presidente.

Segundo Batista, o ex-ministro Geddel Vieira Lima era o mensageiro de Temer, que cobrava o suposto pagamento de propinas para que o ex-deputado Eduardo Cunha se mantivesse em silêncio.

Já sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Joesley Batista afirma: “Nunca tive conversa não republicana com o Lula. Zero”.

Joesley gravou conversas com o presidente Michel Temer (PMDB) e com o senador afastado Aécio Neves (PSDB). Questionado por que não fez gravações de conversas com Lula, ele diz: “Não estou protegendo ninguém, mas só posso falar do que fiz e do que posso provar”.

Veja abaixo alguns tuítes que mostram a indignação dos leitores.

Veja também:  Garoto-propaganda da reforma da Previdência, Ratinho deve R$ 76 milhões à União

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum