Imprensa livre e independente
05 de abril de 2019, 14h07

Líder do Bonde do Tigrão é contra reforma: “Tenho que fechar com o deputado, ele está defendendo o povo”

"Realmente, tem gente que não consegue nem colocar comida em casa, que dirá economizar dinheiro para pagar a aposentadoria", disse Leandrinho sobre a reforma da Previdência

Leandrinho, do Bonde do Tigrão, Paulo Guedes e Bolsonaro (Montagem)
Único remanescente da formação original do Bonde do Tigrão, que lançou o hit “Tchu Tchuca” nos anos 90, o cantor Leandro Dionísio, o Leandrinho, disse a Felipe Rebouças, nesta sexta-feira (5) no jornal O Dia, que é contra a reforma da Previdência proposta por Paulo Guedes, ministro da Economia de Jair Bolsonaro, que ganhou o apelido de “tchutchuca dos banqueiros” após troca de farpas com o deputado Zeca Dirceu (PT/PR) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. “Tenho que fechar com o deputado, ele está defendendo o povo”, disse. Leandrinho disse que paga a previdência privada desde os 21,...

Único remanescente da formação original do Bonde do Tigrão, que lançou o hit “Tchu Tchuca” nos anos 90, o cantor Leandro Dionísio, o Leandrinho, disse a Felipe Rebouças, nesta sexta-feira (5) no jornal O Dia, que é contra a reforma da Previdência proposta por Paulo Guedes, ministro da Economia de Jair Bolsonaro, que ganhou o apelido de “tchutchuca dos banqueiros” após troca de farpas com o deputado Zeca Dirceu (PT/PR) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

“Tenho que fechar com o deputado, ele está defendendo o povo”, disse.

Leandrinho disse que paga a previdência privada desde os 21, mas que conhece uma série de pessoas na própria família, todos moradores da Cidade de Deus, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, que não têm condições de poupar dinheiro ao fim de cada mês.

“Realmente, tem gente que não consegue nem colocar comida em casa, que dirá economizar dinheiro para pagar a aposentadoria”, afirma o cantor.

Veja também:  Bolsonaro "ensina" reforma da Previdência a alunos de escola pública e é corrigido por Paulo Guedes

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum