Imprensa livre e independente
10 de agosto de 2018, 17h29

Locutores de rádio do DF se surpreendem com a quantidade de ouvintes que votam em Lula

"Você nunca vai ouvir tanto o nome do Lula na sua vida", diz uma locutora da rádio Supra, uma das maiores do DF, ao começar a ler os resultados de uma enquete que perguntava aos ouvintes: "Em quem você votaria se as eleições fossem hoje?"; ouça

Reprodução/Supra FM
Locutoras da rádio Supra FM, uma das mais ouvidas do Distrito Federal, demonstraram surpresa com a quantidade de ouvintes que apoiam o ex-presidente Lula. Nesta quinta-feira (9), a emissora propôs uma enquete ao seu público em que perguntava: “Se as eleições fossem hoje, em quem votaria?”. As respostas foram enviadas por texto e áudio via Whatsapp e lidas ao vivo no programa. Resultado: só deu Lula. “Você nunca vai ouvir tanto o nome do Lula na sua vida”, diz uma nas locutoras ao começar a ler as mensagens Lula, que está preso desde abril em Curitiba, lidera todas as pesquisas...

Locutoras da rádio Supra FM, uma das mais ouvidas do Distrito Federal, demonstraram surpresa com a quantidade de ouvintes que apoiam o ex-presidente Lula. Nesta quinta-feira (9), a emissora propôs uma enquete ao seu público em que perguntava: “Se as eleições fossem hoje, em quem votaria?”.

As respostas foram enviadas por texto e áudio via Whatsapp e lidas ao vivo no programa. Resultado: só deu Lula.

“Você nunca vai ouvir tanto o nome do Lula na sua vida”, diz uma nas locutoras ao começar a ler as mensagens

Lula, que está preso desde abril em Curitiba, lidera todas as pesquisas de intenção de voto.

Ouça, abaixo, o áudio com o resultado da enquete da rádio Supra FM.

Veja também:  Segunda turma do STF julga hoje pedido de nulidade de processo de Lula no caso Triplex

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum