05 de maio de 2018, 18h17

Loja de ‘tiro’ no PR, aberta à crianças, usa caricaturas de Lula e Dilma como alvo

Apoiadores do PT classificaram o fato como uma apologia à violência e empresa, após "polêmica", resolveu retirar as caricaturas

Uma loja de tiros com armas de ar comprimido no Shopping Catuaí, em Londrina (PR), vem sendo alvo de críticas nas redes sociais por utilizar caricaturas do ex-presidente Lula e da ex-presidenta Dilma Rousseff como alvo.

A denúncia foi feita por uma apoiadora de Lula nas redes sociais com uma foto de uma criança atirando contra as caricaturas. A imagem rapidamente se espalhou pela internet, com compartilhamentos, inclusive, de lideranças políticas, como da deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ).

Fórum procurou a loja WarShot para se pronunciar sobre as críticas mas a reportagem não conseguiu contato. O site da revista Veja, no entanto, informa que falou com um funcionário, em condição de anonimato, que garantiu que após a “polêmica” as caricaturas foram retiradas.