Imprensa livre e independente
04 de julho de 2018, 16h09

Lula e Rafael Correa trocam mensagens de apoio via Twitter

“Te envio minha solidariedade, com a segurança de que a justiça finalmente triunfará e nossos povos decidirão democraticamente o futuro de nossos países e da América Latina”, escreveu Lula

(Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula)
Lula trocou mensagens de apoio, via Twitter, com o ex-presidente do Equador, Rafael Correa, que teve sua prisão decretada nesta terça-feira (3). “Te envio minha solidariedade, @MashiRafael, com a segurança de que a justiça finalmente triunfará e nossos povos decidirão democraticamente o futuro de nossos países e da América Latina. Um grande abraço”, escreveu Lula. Correa respondeu: “Compañero Lula: Podrán encarcelar nuestros cuerpos pero no nuestros ideales. Venceremos!”. (Companheiro Lula: Podem prender nossos corpos, mas não nossos ideais. Venceremos). As mensagens foram retuitadas pela deputada federal Maria do Rosário, deputada federal pelo PT. A Corte Nacional de Justiça do Equador...

Lula trocou mensagens de apoio, via Twitter, com o ex-presidente do Equador, Rafael Correa, que teve sua prisão decretada nesta terça-feira (3). “Te envio minha solidariedade, @MashiRafael, com a segurança de que a justiça finalmente triunfará e nossos povos decidirão democraticamente o futuro de nossos países e da América Latina. Um grande abraço”, escreveu Lula.

Correa respondeu: “Compañero Lula: Podrán encarcelar nuestros cuerpos pero no nuestros ideales. Venceremos!”. (Companheiro Lula: Podem prender nossos corpos, mas não nossos ideais. Venceremos). As mensagens foram retuitadas pela deputada federal Maria do Rosário, deputada federal pelo PT.

A Corte Nacional de Justiça do Equador determinou, na terça-feira (3), a prisão preventiva de Rafael Correa. A partir de um pedido da Procuradoria Geral do país, a Justiça solicitou que a Interpol prenda e extradite Correa, que reside na Bélgica. A alegação é que ele não cumpriu uma medida cautelar de se apresentar a cada 15 dias em Quito, para prestar esclarecimentos sobre uma investigação da qual é alvo. Portanto, o ex-presidente não está foragido. Ele se apresentou à embaixada equatoriana em Bruxelas, mas, mesmo assim, a Justiça entendeu que ele descumpriu a medida cautelar.

Veja também:  AO VIVO: A íntegra da entrevista de Lula ao The intercept Brasil

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum