17 de setembro de 2018, 07h59

Lula reafirma que Palocci não tem nada que possa comprometer eleição de Haddad

Palocci teria afirmado que Lula se envolveu diretamente em esquemas de propina

Depoimento de Palocci. Foto: Reprodução

De acordo com um interlocutor, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou de dentro da prisão que Antonio Palocci não teria como comprometê-lo de forma comprovada em nenhum delito.

As informações são da coluna de Mônica Bergamo. A jornalista diz que petistas estariam preocupados com o conteúdo de uma delação de Palocci. Que ela poderia ter consistência suficiente para conturbar a campanha do partido na reta final das eleições, caso ela seja divulgada.

Consultado na prisão, Lula tranquilizou o interlocutor.

A fala de Palocci, apesar de sigilosa, tem vazado para a imprensa. Ele teria afirmado que Lula se envolveu diretamente em esquemas de propina. Ninguém, no entanto, tem informações precisas sobre o conteúdo das falas.

A delação de Palocci já tinha sido descartada pelo Ministério Público Federal. O procurador Carlos Fernando dos Santos Lima chegou a afirmar que ela estava “mais para o acordo do fim da picada”. O ex-ministro acabou acertando colaboração com a PF.