10 de outubro de 2018, 19h40

Maioria de eleitores de Ciro e Marina migra para Haddad, indica Datafolha

Pesquisa aponta que 58% dos apoiadores de Ciro Gomes e 37% dos eleitores de Marina Silva vão votar em Fernando Haddad no segundo turno

Foto: Ricardo Stuckert

O Datafolha, divulgado nesta quarta-feira (10), também indiciou que a maior parte dos eleitores de Ciro Gomes (PDT) votarão, com certeza, em Fernando Haddad (PT) no segundo turno. O levantamento apontou que 58% dos apoiadores de Ciro preferem Haddad e apenas 19% escolhem Jair Bolsonaro (PSL), segundo informações da Folha de S.Paulo.

O mesmo acontece com os eleitores de Marina Silva (Rede). O petista herda 37% dos eleitores da candidata, em quanto Bolsonaro leva 18% dos que optaram por Marina no primeiro turno.

Com Geraldo Alckmin (PSDB) e João Amoêdo (Novo), a situação é inversa. Eleitores do tucano: 42% vão para Bolsonaro e 30% para Haddad. No caso de Amoêdo, 49% escolhem o militar e 18% ficam ao lado de Haddad.