Imprensa livre e independente
20 de agosto de 2017, 15h05

Malafaia alerta seus seguidores de ataques de Bolsonaro a Doria

Prefeito e pastor se encontraram, nesta semana, durante abertura da ExpoCristão, em São Paulo. Da Redação Silas Malafaia não mandou recado e falou direto ao prefeito João Doria que seguidores do deputado Jair Bolsonaro estão espalhando uma “onda de boataria” contra ele. Segundo o pastor, os adeptos de Bolsonaro pretendem dissolver a “boa imagem” o prefeito de São Paulo criou perante os evangélicos com fake news. Informação que foi publicada pela Folha, aponta que Malafaia e Doria são amigos e trocam mensagens pelo WhatsApp. O pastor diz que: “Bolsonaristas” andam espalhando nas redes sociais que Doria é a favor de...

Prefeito e pastor se encontraram, nesta semana, durante abertura da ExpoCristão, em São Paulo.

Da Redação

Silas Malafaia não mandou recado e falou direto ao prefeito João Doria que seguidores do deputado Jair Bolsonaro estão espalhando uma “onda de boataria” contra ele. Segundo o pastor, os adeptos de Bolsonaro pretendem dissolver a “boa imagem” o prefeito de São Paulo criou perante os evangélicos com fake news.

Informação que foi publicada pela Folha, aponta que Malafaia e Doria são amigos e trocam mensagens pelo WhatsApp. O pastor diz que: “Bolsonaristas” andam espalhando nas redes sociais que Doria é a favor de duas ideias indigestas para igrejas evangélicas em geral: o aborto e a inclusão do debate sobre ideologia de gênero nas escolas (a noção de que feminino e masculino não são categorias biológicas, e sim construções culturais).

Postagens que circulam na internet apontam “defeitos” de Doria, atacando, inclusive, questões de direitos humanos e povos estrangeiros: “DESARMAMENTISTA (mas não abre mão de sua escolta armada, claro), taxou o Uber, a favor da lei da migração, apoia MUÇULMANOS”

Veja também:  Ministério Público do Trabalho recebe denúncia de 25 casos de assédio sexual e racismo no McDonald’s

Nos últimos dias, Silas Malafaia esteve na abertura da feira ExpoCristã, dividindo palco o prefeito de SP e o governador Geraldo Alckmin. Durante o discurso afirmou que valores evangélicos são “inegociáveis” e que a a ideologia de gênero “é uma das maiores engenharias do diabo para destruir a família”. Tanto Doria quanto Alckmin, riram da declaração, e em seus discursos reproduziram a frase “feliz é a nação cujo Deus é o senhor”; o prefeito ainda soltou um “glória a Deus”.

*com informações da Folha
Foto: Lula Marques/Agência PT

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum