Imprensa livre e independente
07 de outubro de 2018, 21h00

Márcio França vira na reta final e fará segundo turno com Doria

Márcio França foi prefeito de São Vicente e obteve a maior reeleição para prefeito do Brasil, em 2000 (em cidades com mais de 100 mil habitantes), quando alcançou o percentual de 91, 3% dos votos válidos

O governador de São Paulo e candidato à reeleição, Márcio França (PSB), vai disputar o segundo com João Doria (PSDB). A diferença entre França e Paulo Skaf (MDB) ficou em pouco mais de 0,30% dos votos. Com 99% das urnas apuradas, França tinha 4.304.197 votos, 21,49 % do total, enquanto Skaf ficou com 4.231.464 votos, 21,12% do total. Projetando para 100%, o segundo turno entre os dois estava assegurado. Márcio França foi prefeito de São Vicente e obteve a maior reeleição para prefeito do Brasil, em 2000 (em cidades com mais de 100 mil habitantes), quando alcançou o percentual de 91, 3% dos votos válidos...

O governador de São Paulo e candidato à reeleição, Márcio França (PSB), vai disputar o segundo com João Doria (PSDB). A diferença entre França e Paulo Skaf (MDB) ficou em pouco mais de 0,30% dos votos.

Com 99% das urnas apuradas, França tinha 4.304.197 votos, 21,49 % do total, enquanto Skaf ficou com 4.231.464 votos, 21,12% do total. Projetando para 100%, o segundo turno entre os dois estava assegurado.

Márcio França foi prefeito de São Vicente e obteve a maior reeleição para prefeito do Brasil, em 2000 (em cidades com mais de 100 mil habitantes), quando alcançou o percentual de 91, 3% dos votos válidos na cidade.

Sua gestão foi marcada por obras de infraestrutura e de valorização da autoestima da população, com destaque para a realização do maior espetáculo teatral em areia de praia do mundo, a Encenação da Fundação da Vila de São Vicente, com mil atores do povo, além de estrelas televisivas.

 

Veja também:  Fórum Onze e Meia l Greve geral paralisa 19 estados e DF

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum