Imprensa livre e independente
24 de abril de 2019, 11h14

Ministério da Economia registra fechamento de 43 mil vagas de emprego em março

Os números contrariam a expectativa do mercado, que estimava a criação de 80 mil vagas, de acordo com centro de estimativas da agência Bloomberg

Mutirão por emprego levou multidão para o Vale do Anhangabaú, em São Paulo (Foto: Reprodução/ Rede Globo)
Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados nesta quarta-feira (24) pelo Ministério da Economia registram que no mês de março foram fechadas 43.196 vagas formais de emprego no Brasil. Leia também: Ruim e péssimo de Bolsonaro aumentam e chegam a 27% no Ibope Os números contrariam a expectativa do mercado, que estimava a criação de 80 mil vagas, de acordo com centro de estimativas da agência Bloomberg. Foi também o pior mês de março desde 2017, quando o resultado foi negativo em 63.624 posições com carteira assinada. No mês passado, foram abertas 1,26 milhão de vagas e fechados...

Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados nesta quarta-feira (24) pelo Ministério da Economia registram que no mês de março foram fechadas 43.196 vagas formais de emprego no Brasil.

Leia também: Ruim e péssimo de Bolsonaro aumentam e chegam a 27% no Ibope

Os números contrariam a expectativa do mercado, que estimava a criação de 80 mil vagas, de acordo com centro de estimativas da agência Bloomberg. Foi também o pior mês de março desde 2017, quando o resultado foi negativo em 63.624 posições com carteira assinada.

No mês passado, foram abertas 1,26 milhão de vagas e fechados 1,3 milhão de postos. Como comparação, em março do ano passado o saldo foi positivo em 56.151 postos com carteira assinada.

Veja também:  Selva no PSL: criticada, Joice Hasselmann chama Carla Zambelli de burra

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum