Imprensa livre e independente
08 de janeiro de 2019, 14h11

Mulher e filhas de Queiroz não comparecem a depoimento ao MP sobre caso Flavio Bolsonaro

Toda a família de Fabrício Queiroz atuou na assessoria de Flavio Bolsonaro na Alerj. Transferida para o gabinete de Jair Bolsonaro, em Brasília, Nathália Queiroz atuava como personal trainer de famosos no Rio.

Repdrodução
A mulher de Fabrício Queiroz, Márcia Aguiar, e as filhas do casal, Nathália e Evelyn, não compareceram ao depoimento marcado nesta terça-feira (8) no Ministério Público do Rio de Janeiro, que investiga a movimentação suspeita de R$ 1,2 milhão do ex-assessor parlamentar do filho de Jair Bolsonaro (PSL), Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Segundo informações do portal G1, o advogado da família disse que elas estão em São Paulo para acompanhar o pós-operatório da retirada de um tumor no intestino de Queiroz e vão acompanhar o tratamento de quimioterapia. Fórum precisa ter um jornalista...

A mulher de Fabrício Queiroz, Márcia Aguiar, e as filhas do casal, Nathália e Evelyn, não compareceram ao depoimento marcado nesta terça-feira (8) no Ministério Público do Rio de Janeiro, que investiga a movimentação suspeita de R$ 1,2 milhão do ex-assessor parlamentar do filho de Jair Bolsonaro (PSL), Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Segundo informações do portal G1, o advogado da família disse que elas estão em São Paulo para acompanhar o pós-operatório da retirada de um tumor no intestino de Queiroz e vão acompanhar o tratamento de quimioterapia.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

O ex-assessor parlamentar teria informado ao MP-RJ que está internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, e se submeteu a uma cirurgia no dia 1º de janeiro para retirar um tumor maligno no intestino.

Negócio de família
Toda a família de Fabrício Queiroz atuou na assessoria de Flavio Bolsonaro na Alerj. Márcia exerceu cargo de consultora parlamentar entre 2 de março de 2007 a 1o de setembro de 2017, com salário de R$ 9.835,63.

Veja também:  Feliciano critica Mourão e Santos Cruz: "Olavo (de Carvalho) é um gênio. E todo gênio é louco"

Nathália foi nomeada no gabinete da vice-liderança do PP, de Flávio, em 20 de setembro de 2007, e ficou lá até 1o de fevereiro de 2011. Recebia R$ 6.490,35. Ela também trabalhou, até 15 de novembro do ano passado no gabinete de Jair Bolsonaro, em Brasília, e é citada em dois trechos do relatório.

Enquanto trabalhava em Brasília, Nathália Queiroz construiu uma carreira de sucesso como personal trainer de famosos no Rio de Janeiro.

Veja vídeo: Ex-assessora de Jair Bolsonaro em Brasília atuou como personal de famosos no Rio

Com salário de R$ 10.088,42 pagos pelo gabinete de Jair, Nathalia ainda atuava como personal trainer de famosos, como a atriz Bruna Marquezine, que aparece em vídeo “exausta” após as aulas da ex-assessora dos Bolsonaro, que se identifica como personal trainer Nat Queiroz.

A outra filha, Evelyn, foi nomeada em 13 de dezembro de 2016 assessora parlamentar de Flávio, no mesmo tipo de cargo que antes era ocupado pela irmã.

Veja também:  Dallagnol divulga vídeo com lavajateiros fazendo campanha para Coaf seguir nas mãos de Moro

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum