Imprensa livre e independente
26 de março de 2019, 13h00

Mutirão por emprego leva multidão para o Vale do Anhangabaú, em São Paulo

Neste primeiro dia do mutirão, serão distribuídas as senhas para os quatro dias de evento. Apenas as pessoas que tiverem senha serão atendidas

Mutirão por emprego levou multidão para o Vale do Anhangabaú, em São Paulo (Foto: Reprodução/ Rede Globo)
Uma multidão. Não há outro termo para definir a grande massa humana que se formou na manhã dessa terça-feira (26), no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, para disputar 6 mil vagas de emprego para diversos segmentos, como telemarketing, operador de caixa, atendente e vendedor de loja. Os candidatos participam do Mutirão de Emprego, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Prefeitura de São Paulo e pelo Sindicato dos Comerciários. Segundo o balanço da UGT, cerca de 15 mil pessoas estavam na fila. Neste primeiro dia do mutirão, serão distribuídas as senhas para os quatro dias de evento....

Uma multidão. Não há outro termo para definir a grande massa humana que se formou na manhã dessa terça-feira (26), no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, para disputar 6 mil vagas de emprego para diversos segmentos, como telemarketing, operador de caixa, atendente e vendedor de loja.

Os candidatos participam do Mutirão de Emprego, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Prefeitura de São Paulo e pelo Sindicato dos Comerciários.

Segundo o balanço da UGT, cerca de 15 mil pessoas estavam na fila. Neste primeiro dia do mutirão, serão distribuídas as senhas para os quatro dias de evento. Apenas as pessoas que tiverem senha serão atendidas.

De acordo com reportagem do G1, algumas pessoas passaram a madrugada na fila.

De acordo com a assessoria de imprensa da União Geral dos Trabalhadores (UGT), as primeiras 700 senhas já foram distribuídas e as pessoas serão atendidas no decorrer do dia até as 17h.

O evento acontece entre esta terça (26) e sexta-feira (29) na sede do Sindicato dos Comerciários, localizado na Rua Formosa, 99, das 8h às 17h.

Veja também:  Sergio Moro queria R$ 2,5 bilhões da "fundação Dallagnol" para seu ministério

Para se candidatar a uma vaga de emprego, é preciso levar RG, CPF, carteira de trabalho e currículo impresso.

Com informações do G1

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum