Imprensa livre e independente
11 de julho de 2016, 15h59

Negros nos EUA têm 8 vezes mais chances de serem mortos do que brancos

Levantamento feito pela ONU mostra que 19,4 negros foram mortos para cada 100 mil habitantes entre 2010 e 2012 naquele país.

Levantamento feito pela ONU mostra que 19,4 negros foram mortos para cada 100 mil habitantes entre 2010 e 2012 naquele país Por Redação Um relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas mostra que os negros tem 8 vezes mais chances de serem mortos e que são 12 vezes mais vulneráveis do que os brancos nos Estados Unidos. A pesquisa foi feita com dados do blog FiveThirtyEight. Segundo a pesquisa, 19,4 foram assassinados entre cem mil habitantes entre os anos de 2010 e 2012. Na contramão, o índice de mortes de pessoas brancas é de apenas 2,5 a cada cem mil....

Levantamento feito pela ONU mostra que 19,4 negros foram mortos para cada 100 mil habitantes entre 2010 e 2012 naquele país

Por Redação

Um relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas mostra que os negros tem 8 vezes mais chances de serem mortos e que são 12 vezes mais vulneráveis do que os brancos nos Estados Unidos. A pesquisa foi feita com dados do blog FiveThirtyEight.

Segundo a pesquisa, 19,4 foram assassinados entre cem mil habitantes entre os anos de 2010 e 2012. Na contramão, o índice de mortes de pessoas brancas é de apenas 2,5 a cada cem mil.

Só em 2016, mais de cem cidadãos negros foram mortos por policiais nos EUA. Nos últimos dias, o país tem vivido uma série de protestos por conta dos assassinatos de Philando Castile, de 34 anos, e de Aldo Sterling, de 37 anos.

Foto: Black Lives Matters

Veja também:  Número de presos em São Paulo quadruplica em 25 anos de governos do PSDB

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum