Imprensa livre e independente
10 de junho de 2014, 19h15

Nova pesquisa Ibope traz oscilações dentro da margem de erro

Presidenta Dilma Rousseff teria 38% das intenções de voto; Aécio Neves ficaria com 22% e Eduardo Campos, com 13% Por Redação Pesquisa do Ibope sobre a sucessão presidencial divulgada nesta terça-feira (10) traz variações que oscilam dentro da margem de erro, na comparação com o levantamento de maio. Conforme o levantamento, a presidenta Dilma Rousseff (PT) mantém a liderança na disputa, com 38% das intenções de voto. Na pesquisa anterior, o índice de Dilma foi de 40%. A margem de erro dessa pesquisa é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. Neste levantamento, os principais adversários também tiveram...

Presidenta Dilma Rousseff teria 38% das intenções de voto; Aécio Neves ficaria com 22% e Eduardo Campos, com 13%

Por Redação

Pesquisa do Ibope sobre a sucessão presidencial divulgada nesta terça-feira (10) traz variações que oscilam dentro da margem de erro, na comparação com o levantamento de maio. Conforme o levantamento, a presidenta Dilma Rousseff (PT) mantém a liderança na disputa, com 38% das intenções de voto. Na pesquisa anterior, o índice de Dilma foi de 40%. A margem de erro dessa pesquisa é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos.

Neste levantamento, os principais adversários também tiveram oscilações dentro da margem de erro. O senador Aécio Neves (PSDB) variou de 20% para 22% entre os dois levantamentos e o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) passou de 11% para 13%. A pesquisa foi encomendada pela União dos Vereadores de São Paulo (Uvesp).

Na consulta que simula cenários para eventual segundo turno, a presidenta continua na dianteira. No confronto com o tucano Aécio Neves, Dilma ficaria com 42% dos votos, ante 33% do senador mineiro. Em caso de a disputa ser com Campos, a presidenta teria 41% dos votos, contra 30% do socialista.

Veja também:  Em meio à crise, Joice Hasselmann faz enquete sobre fim da tomada de três pinos

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas entre os dias 4 e 7 de junho, em 142 municípios.

(Crédito da foto da capa: Divulgação)

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum