Seja Sócio Fórum
26 de março de 2019, 09h17

Olavo de Carvalho diz que só fala a jornalista francês se ele antes ler seus livros

“Estou cansado de conversar com repórteres que só produzem impressões superficiais copiadas de outras impressões superficiais”, disse

Foto: Reprodução/YouTube
O Jornalista Nicolas Bourcier, do jornal francês Le Monde, vice-chefe do serviço Internacional responsável pelas Américas e ex-correspondente no Rio de Janeiro procurou Olavo de Carvalho para uma entrevista, de acordo com publicação do próprio Olavo. O guru do presidente Jair Bolsonaro respondeu que só daria a entrevista caso o jornalista lesse cinco de seus livros e ainda enviou a lista. “Estou cansado de conversar com repórteres que só produzem impressões superficiais copiadas de outras impressões superficiais”, disse. Leia abaixo a postagem completa de Olavo de Carvalho: “Prezado senhor, Concedo-lhe a entrevista se o senhor, antes dela, ler os meus...

O Jornalista Nicolas Bourcier, do jornal francês Le Monde, vice-chefe do serviço Internacional responsável pelas Américas e ex-correspondente no Rio de Janeiro procurou Olavo de Carvalho para uma entrevista, de acordo com publicação do próprio Olavo.

O guru do presidente Jair Bolsonaro respondeu que só daria a entrevista caso o jornalista lesse cinco de seus livros e ainda enviou a lista. “Estou cansado de conversar com repórteres que só produzem impressões superficiais copiadas de outras impressões superficiais”, disse.

Leia abaixo a postagem completa de Olavo de Carvalho:

“Prezado senhor,

Concedo-lhe a entrevista se o senhor, antes dela, ler os meus livros “Aristóteles em Nova Perspectiva”, “Maquiavel ou a Confusão Demoníaca”, “Visões de Descartes”. “A Filosofia e Seu Inverso” e “O Jardim das Aflições” e os compreender ao ponto de podermos trocar idéias a respeito.
Estou cansado de conversar com repórteres que só produzem impressões superficiais copiadas de outras impressões superficiais,

Atenciosamente,

Olavo de Carvalho”

 

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum