Os Entendidos

Os Entendidos

Debater a diversidade com bom humor.

#racismo

08 de julho de 2018, 08h28

Sobre esse tal “colorismo”

“Sou negra sim, meu mamilo nem é rosa”; “Vocês falam que não sou negro porque nunca viram meu pau”; “Meu tataravô era negro”; são o tipo de absurdo que costumam aparecer em discussões envolvendo colorismo – ou pigmentocracia, termo que prefiro. Isso porque, pra variar, a desonestidade se apropriou do termo. Teoricamente o conceito diz respeito […]


11 de dezembro de 2017, 00h00

Sobre essa tal “Palmitagem”

AVISO: Não sou vidente. Não sou sensitivo. Não sou onisciente. Quero deixar bem escuro que não estou interessado em debater sobre o relacionamento de ninguém. Não só porque não tenho o menor interesse em ser terapeuta de casais, como porque também acredito que eventuais carapuças devem ser discutidas entre os(as) pombinhos(as) envolvidos(as). #AtoFalhoÉQuaseBingo Se tem […]


27 de novembro de 2017, 00h27

Descolonizar a Psicologia: considerações a uma Psicologia Preta

O Brasil é ainda um país extremamente colonial. Boa parte da estrutura de poder e da mentalidade política presentes no período em que éramos colônia de Portugal segue em pleno funcionamento nos dias de hoje. Foi por meio dos processos de colonização que africanos foram sequestrados de África e trazidos para cá sob regime de […]


25 de novembro de 2017, 04h12

Sobre essa tal “Geração Tombamento” ou Batekoo RJ #16

Se tem uma coisa que incomoda os que acreditam na natural colonial superioridade branca é quando pessoas não-brancas passam não somente a enxergar valor positivo em si mesmas, mas também a ostentar essa valorização do que as torna alvo de discriminação. Um bom exemplo disso está no fato de que o Partido dos Panteras Negras […]


28 de agosto de 2017, 13h01

As diásporas da b¡cha preta

A descoberta da sexualidade pelos homens negros, e aqui me refiro à sexualidade homoerótica como sendo também o lugar de onde falo, reintroduz na experiência subjetiva destes a sensação de diáspora. É próprio da negritude, com todas intersecções que a ela podemos relacionar, a sensação permanente de se estar fora de casa, fora da possibilidade de […]


09 de agosto de 2017, 12h26

Todo branco é racista?

Há algumas semanas fui convidado para falar sobre afrocentricidade na Faculdade de Educação da UFF. Após a apresentação do texto que havia preparado para a ocasião, intitulado “Carta aberta aos negros e negras que lutam pelo fim da escravidão do pensamento”, os alunos negros presentes trouxeram questões e experiências sobre o tema. Alguns alunos brancos, […]


20 de julho de 2017, 16h32

Fetiche e os preto (I Feel Anansi) [+18]

“Negro” somos uma obra de ficção dos brancos. Um ser inventado e teorizado para justificar a suposta “superioridade branca”. Uma ladainha para legitimar o domínio de sinhôs e sinhás brancos sobre os corpos, as identidades e as vidas dos colonizados. Uma balela tão repetida que hoje em dia passa batida como algo “natural” – com […]


19 de julho de 2017, 17h38

Da amizade entre negros e brancos

Uma das paradas mais intrigantes pra mim é a amizade entre negros e brancos no Brasil. Ao negro, é dada a possibilidade de ser amigo, desde que ele não venha pensar e se portar como negro – ou, a partir de sua negritude. Quem duvidar disso – aqui pode até ser branco para participar do […]


25 de abril de 2017, 16h07

Sobre afroconveniência ou às Dolezais do meu Brasil febril

Do jeito que a coisa anda, daqui a pouco vão querer eleger a Luciana Genro como porta-voz do movimento negro brasileiro. Acho muito legal que atualmente tanta gente tenha perdido o medo e a vergonha de reconhecer a própria negritude, mas precisamos falar sobre #Afroconveniência. Precisamos falar dessas pessoas lida como brancas (e não pessoas negras de […]


29 de março de 2017, 16h32

Você ama o corpo de homens negros, mas você se importa com a suas vidas?

Texto original em inglês de Lara Witt. Nesse momento é quase impossível não ter ouvido falar da vitória de Moonlight no Oscar. Talvez você até tenha na ponta da língua o nome de seus atores — Mahershala Ali, Alex Hibbert, Ashton Sanders e Trevante Rhodes — que estrelaram no filme de Barry Jenkins. E talvez até […]


15 de março de 2017, 15h40

Moonlight

Apesar de ter minhas reticências sobre a importância dada a premiações tradicionalmente racistas brancas como o Oscar e o Grammy, confesso que fiquei bastante feliz com o prêmio de melhor filme, assim como não me surpreendi com a esnobada que a academia deu à magistral performance do Denzel. Mesmo assim, acho difícil não perceber como […]


16 de janeiro de 2017, 13h01

Qual a relação entre supremacia branca e o Brasil?

Quase todo mundo conhece a lenda urbana sobre um nazista brasileiro que enviou apoio e solidariedade a seguidores de Hitler que, por sua vez, se negaram a se “misturar com gentalha”. Porém, o que muitos desconhecem é que o Brasil teve o maior partido nazista fora da Alemanha durante a Segunda Guerra. Ou seja, cinco décadas depois da falsa abolição […]


09 de janeiro de 2017, 02h24

“Seus Racistas Reversos!” ou Jornalistas sabem o que é racismo?

Quando quatro jovens negros estadunidenses sequestram e torturam um colega branco com deficiência uma pergunta percorre as redes sociais: pessoas negras podem cometer racismo contra brancas? Os jovens em questão foram imediatamente presos porque exibiram em vídeo as agressões contra a suposta vítima e uma das possíveis motivações expostas em cena parece ter sido o ódio a Donald Trump. […]


27 de dezembro de 2016, 03h24

Mediocridade é privilégio de gente branca

Se tem um efeito do racismo que passa bastante batido, apesar de resultar em uma infinidade de prejuízos até mesmo para pessoas brancas, diria que esse colateral poderia ser chamado de #MediocridadeBranca. Não quero dizer que toda pessoa branca é medíocre. Longe disso! Até tenho amigos que são pessoas extraordinárias. Mas, infelizmente para todos nós, o próprio […]


19 de dezembro de 2016, 22h00

“Hoje em dia tudo é apropriação cultural”

Oficialmente define-se apropriação cultural como “a adoção indevida de elementos específicos de um determinada cultura por membros pertencentes a outra”, mas pessoalmente gosto de explicar da seguinte forma: “quando indivíduos acostumados a ter tudo, geralmente brancos com menos de 35 anos, se apossam de elementos de uma cultura que desconhecem ou até mesmo ignoram”. Mais […]