Imprensa livre e independente
21 de janeiro de 2019, 20h08

Para pastor, há uma nova geração de evangélicos que entende que Lula é preso político

“Quando cheguei lá ele estava com a camisa do Corinthians e muito animado”, disse Mike Rodrigo Vieira da Silva, da Congrega Church

Foto: Reprodução/Vídeo Por Agência PT de Notícias O pastor Mike Rodrigo Vieira da Silva, da Congrega Church, visitou Lula, nesta segunda-feira (21), na sede da Polícia Federal em Curitiba (PR). O religioso disse que conversou sobre a situação do país e também fez questão de levar apoio da comunidade evangélica ao ex-presidente. “Existe uma nova geração de pastores, um novo movimento evangélico que está se levantando e entende que Lula é um preso político. Que não deveria estar ali, pois é inocente”, revela o pastor. Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba...

Foto: Reprodução/Vídeo

Por Agência PT de Notícias

O pastor Mike Rodrigo Vieira da Silva, da Congrega Church, visitou Lula, nesta segunda-feira (21), na sede da Polícia Federal em Curitiba (PR). O religioso disse que conversou sobre a situação do país e também fez questão de levar apoio da comunidade evangélica ao ex-presidente.

“Existe uma nova geração de pastores, um novo movimento evangélico que está se levantando e entende que Lula é um preso político. Que não deveria estar ali, pois é inocente”, revela o pastor.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Silva também disse a Lula que há por parte dos evangélicos a compreensão do golpe que o país passou em 2016, quando Dilma Rousseff foi tirada da Presidência, sem ter cometido nenhum ato ilícito ou crime de responsabilidade.

“Na Igreja Evangélica nem todos são favoráveis ao golpe que aconteceu em 2016. A nossa visita demonstra que não são todos os pastores evangélicos que compactuam com tudo isso que está acontecendo em nosso país. Lula é uma pessoa que nos traz conforto e esperança”, destacou Silva.

Veja também:  Favorito para ser novo primeiro-ministro do Reino Unido promete oficializar brexit antes do prazo final

O pastor revelou também que estava apreensivo ao chegar na sede na PF, mas que encontrar o ex-presidente lhe trouxe alegria. “A gente se prepara para a visita, e ele (Lula) nos contagia com seu sorriso. Quando cheguei lá ele estava com a camisa do Corinthians e muito animado. Lula preparou um café para nós e falamos sobre o que está acontecendo no país”.

Esperança

Ainda de acordo com Silva, o ex-presidente se mantém esperançoso e confiante no Judiciário do Brasil. “Ele está muito esperançoso que a Justiça vai ser feita.  Disse que tanto a figura do (Sérgio) Moro, quanto do (Deltan) Dallagnol criaram histórias. Lula acredita que as coisas vão mudar e logo ele estará aqui na Vigília”, revelou o pastor.

Por fim, o religioso fez questão de transmitir os agradecimentos do ex-presidente aos militantes da Vigília Lula Livre. “Ele está muito agradecido a todos que estão orando por ele. Também tem agradecido muito as visitas religiosas. Ele me pediu para agradecer pelas cartas que todos têm mandado e a mobilização que tem sido feita”, finalizou.

Veja também:  Carlos Bolsonaro tenta provocar a esquerda em código morse mas erra a tradução

Assistam ao vídeo do depoimento do pastor Mike Rodrigo Vieira da Silva:


Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum