21 de agosto de 2018, 14h49

Pesquisa Ibope: Lula lidera disparado em Pernambuco com 62%

Segunda colocação no estado nordestino é de Jair Bolsonaro (PSL), que aparece bem atrás, com 11%; demais: Marina Silva (Rede), 4%; Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB), 3%

(Foto: Ricardo Stuckert)
Os resultados dos levantamentos realizados pelo Ibope, espalhados pelo país todo, ratificam a imensa superioridade de Luiz Inácio Lula da Silva em relação às intenções de voto. Em Pernambuco, segundo o Jornal do Commercio, a pesquisa estimulada aponta que Lula aparece com 62% da preferência do eleitorado. Com Lula na disputa, A segunda colocação é de Jair Bolsonaro (PSL), que, porém, aparece bem atrás, com 11%. Marina Silva (Rede) surge com 4% da preferência do eleitorado. Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB) têm 3% das intenções de votos. A preferência do pernambucano por Lula não está presente em uma...

Os resultados dos levantamentos realizados pelo Ibope, espalhados pelo país todo, ratificam a imensa superioridade de Luiz Inácio Lula da Silva em relação às intenções de voto. Em Pernambuco, segundo o Jornal do Commercio, a pesquisa estimulada aponta que Lula aparece com 62% da preferência do eleitorado.

Com Lula na disputa, A segunda colocação é de Jair Bolsonaro (PSL), que, porém, aparece bem atrás, com 11%. Marina Silva (Rede) surge com 4% da preferência do eleitorado. Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB) têm 3% das intenções de votos.

A preferência do pernambucano por Lula não está presente em uma única parcela do eleitorado. O ex-presidente é ganhador entre os menos e mais instruídos. O grupo pesquisado que tem maior número de eleitores lulistas é a parcela que estudou até a 4ª série do ensino fundamental, com 71% das pessoas indicando voto nele.

Em termos de renda familiar, o maior percentual de votos no petista vem de pessoas que recebem até um salário mínimo, com 69% da preferência desse eleitor. Até dois salários mínimos, Lula tem 64% da preferência. Para quem ganha acima de dois salários, o percentual de preferência é de 48%.