Imprensa livre e independente
19 de dezembro de 2018, 13h47

Polícia encontra mala com dinheiro e armas em casa de João de Deus

Não foram divulgados valores e nem quantas e quais armas foram encontradas. O material foi encaminhado para a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), unidade responsável pelas investigações.

Reprodução/TV Globo
A Polícia Civil de Goiás apreendeu nesta terça-feira (18) uma mala com dinheiro e armas na casa do médium João de Deus, preso suspeito de abusos sexuais, em Abadiânia. Não foram divulgados valores e nem quantas e quais armas foram encontradas. O material foi encaminhado para a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), unidade responsável pelas investigações. Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais Já na Casa Dom Inácio de Loyola, os investigadores estiveram na sala onde aconteceriam os abusos para realizar o trabalho de perícia. Em depoimento,...

A Polícia Civil de Goiás apreendeu nesta terça-feira (18) uma mala com dinheiro e armas na casa do médium João de Deus, preso suspeito de abusos sexuais, em Abadiânia.

Não foram divulgados valores e nem quantas e quais armas foram encontradas. O material foi encaminhado para a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), unidade responsável pelas investigações.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Já na Casa Dom Inácio de Loyola, os investigadores estiveram na sala onde aconteceriam os abusos para realizar o trabalho de perícia. Em depoimento, o médium afirmou que possui uma sala na Casa Dom Inácio de Loyola, cuja porta é transparente. Ele declarou que “nunca trancou a porta para atendimentos e, muitas vezes, é o atendido quem a tranca”.

De acordo com a Polícia Civil, durante as buscas feita na Casa Dom Inácio de Loyola, foram encontrados recibos de cursos superiores que seriam pagos por ele a vítimas. A corporação não divulgou detalhes sobre os supostos pagamentos.

Veja também:  Bolsonaro bloqueia verba de três hospitais universitários que atenderiam 2,7 milhões de pessoas

João de Deus teve a prisão decretada na sexta (14) a pedido da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual de Goiás (MP-GO), que investigam os relatos de abuso sexual durante atendimento na Casa Dom Inácio de Loyola. No domingo, ele se entregou à polícia.

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum