Imprensa livre e independente
11 de dezembro de 2018, 07h37

Polícia Federal faz busca em imóveis de Aécio Neves e da irmã, Andréa, no Rio e em Minas

A PF ainda tem como alvo o deputado federal Paulo Pereira da Silva (Solidariedade/SP), o Paulinho da Força, e a deputada federal Cristiane Brasil (PTB), filha de Roberto Jefferson (PTB/RJ).

Arquivo
Agentes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal cumprem mandados de busca e apreensão em imóveis do senador Aécio Neves (PSDB) e da irmã dele, Andréa Neves, no Rio e em Minas Gerais, na manhã desta terça-feira (11). As informações são da GloboNews A PF ainda tem como alvo o deputado federal Paulo Pereira da Silva (Solidariedade/SP), o Paulinho da Força, e a deputada federal Cristiane Brasil (PTB/RJ) – filha do deputado federal Roberto Jefferson (PTB/RJ) -, além de empresários que, afirmam promotores, emitiram notas fiscais frias para Aécio. Agentes estão em prédio de luxo na Avenida Vieira Souto,...

Agentes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal cumprem mandados de busca e apreensão em imóveis do senador Aécio Neves (PSDB) e da irmã dele, Andréa Neves, no Rio e em Minas Gerais, na manhã desta terça-feira (11). As informações são da GloboNews

A PF ainda tem como alvo o deputado federal Paulo Pereira da Silva (Solidariedade/SP), o Paulinho da Força, e a deputada federal Cristiane Brasil (PTB/RJ) – filha do deputado federal Roberto Jefferson (PTB/RJ) -, além de empresários que, afirmam promotores, emitiram notas fiscais frias para Aécio.

Agentes estão em prédio de luxo na Avenida Vieira Souto, em Ipanema, Zona Sul do Rio, uma das residências de Aécio. Equipe também está em um imóvel em Copacabana, de Andréa.

A procura de documentos faz parte de operação baseada em delações de Joesley Batista e Ricardo Saud. Os executivos da JBS relataram repasse de propina de quase R$ 110 milhões ao senador Aécio Neves.

Veja também:  Decreto de Bolsonaro libera venda de fuzil para qualquer cidadão: "Fila é de 2 mil pessoas", diz Taurus

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum