ASSISTA
10 de junho de 2013, 18h53

Por Papa, Rio vai parar durante quatro dias

Câmara aprova proposta de Paes por feriados na estadia do pontífice

Câmara aprova proposta de Paes por feriados na estadia do pontífice

Por Redação

Presidenta Dilma Roussef é recebida pelo Papa Francisco, no Vaticano (Foto: Presidência da Republica/Roberto Stuckert Filho)

A cidade do Rio de Janeiro decretou feriado durante os quatro dias de estadia do Papa Francisco no município. A decisão de parar a cidade por conta da visita do líder religioso foi tomada pela Câmara dos Vereadores, após proposta do prefeito Eduardo Paes (PMDB).

Na terça-feira (23), o comércio deve funcionar até às 16h, para facilitar a caminhada dos fiéis até a praia de Copacabana, onde será realizada a missa de abertura da Jornada Mundial da Juventude.

O projeto prevê feriados integrais na quinta-feira (25) e sexta-feira (26). De acordo com a programação da Jornada, nesses dias acontecerão as cerimônias de acolhida do Papa e a Via Sacra pela orla de Copacabana, respectivamente.

O ciclo de feriados se completa na segunda-feira (29), ao meio-dia, para que os peregrinos se dispersem com tranquilidade, na região do Campus Fidei em Guaratiba, zona Oeste da capital fluminense.