Imprensa livre e independente
15 de setembro de 2013, 12h12

Racismo: Deputada que já foi campeã olímpica posta foto de Barack Obama com banana

Para a parlamentar não havia problema em publicar a imagem. “É a liberdade de expressão! Quem tem complexo, isso é problema seu”

Para a parlamentar não havia problema em publicar a imagem. “É a liberdade de expressão! Quem tem complexo, isso é problema seu” Por Redação Irina postou imagem no Twitter (Foto: Twitter) Na Rússia, um caso de preconceito ganhou os jornais. A deputada Irina Rodnina postou, em seu perfil no Twitter, uma fotomontagem do presidente americano Barack Obama e uma banana. O ato de racismo foi mal recebido até mesmo na Rússia, onde a parlamentar foi duramente criticada. “Por que fez isso? É um sinal de racismo, de falta de educação, ou de um senso de humor ‘especial’?”, escreveu o editor-chefe...

Para a parlamentar não havia problema em publicar a imagem. “É a liberdade de expressão! Quem tem complexo, isso é problema seu”

Por Redação

Irina postou imagem no Twitter (Foto: Twitter)

Na Rússia, um caso de preconceito ganhou os jornais. A deputada Irina Rodnina postou, em seu perfil no Twitter, uma fotomontagem do presidente americano Barack Obama e uma banana.

O ato de racismo foi mal recebido até mesmo na Rússia, onde a parlamentar foi duramente criticada. “Por que fez isso? É um sinal de racismo, de falta de educação, ou de um senso de humor ‘especial’?”, escreveu o editor-chefe adjunto do jornal Moskovski Komsomolets, Aider Mudjabayev.

Irina, que é campeã olímpica de patinação artística, deletou a imagem, mas antes havia afirmado que a foto foi enviada dos EUA e que não via problema em publicá-la. “É a liberdade de expressão! Quem tem complexo, isso é problema seu”, afirmou a deputada.

Irina encontrou, ainda, defensores no parlamento russo. “O que é mal visto em um país é normal em outro. Temos culturas diferentes”, afirmou o deputado Valéri Gartung.

 

Veja também:  Em meio à crise, Joice Hasselmann faz enquete sobre fim da tomada de três pinos

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum