Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

17 de abril de 2019, 17h42

Rosário chama de “antidemocrático” decreto de Moro para impedir manifestações

Partidos de oposição recorrem à medidas para derrubar decreto; a partir de semana que vem manifestações populares contra a Reforma da Previdência tomam conta da Capital Federal

Foto: Foto:Gustavo Bezerra

O Congresso Nacional tem reagido à medida autoritária do governo de Jair Bolsonaro (PSL) que pode impedir manifestações populares na Esplanada dos Ministérios. Sobre a decisão do ministro da Justiça, Sérgio Moro, de autorizar a permanência da Força Nacional em Brasília por 33 dias, a ex-ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário (PT-RS), classificou o decreto como “autoritário” e “antidemocrático”.

“A medida autoritária de Moro e Bolsonaro visa impedir as manifestações dos povos indígenas, que virão à Brasília na próxima semana, e também as mobilizações contra a Reforma da Previdência”, avaliou ao blog a congressista.

Para ela a decisão resgata “a ditadura para cercear manifestações democráticas. Resistiremos para garantir os direitos do povo brasileiro”.

Além de Rosário, a líder da Minoria Jandira Feghali (PCdoB-MA) e o vice-líder do PCdoB, Márcio Jerry (MA) apresentaram projeto de projeto de decreto para sustar a medida.

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum