Imprensa livre e independente
02 de setembro de 2014, 16h23

Saneamento básico: os melhores e piores municípios do Brasil

Das 20 melhores cidades apontadas no estudo, 11 são do Estado de São Paulo, três de Minas Gerais, quatro do Paraná e duas do Rio de Janeiro

Foi divulgado o Ranking do Saneamento 2014 com indicadores dos cem maiores municípios brasileiros em relação a abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e perdas. Das 20 melhores cidades apontadas no estudo, 11 são do Estado de São Paulo, três de Minas Gerais, quatro do Paraná e duas do Rio de Janeiro. O estudo, realizado pelo Instituto Trata Brasil, analisou dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (Snis) de 2012, do Ministério das Cidades. Segundo o ranking, em relação à agua, com exceção de São José do Rio Preto, os 20 primeiros colocados possuem sempre mais do...

Foi divulgado o Ranking do Saneamento 2014 com indicadores dos cem maiores municípios brasileiros em relação a abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e perdas. Das 20 melhores cidades apontadas no estudo, 11 são do Estado de São Paulo, três de Minas Gerais, quatro do Paraná e duas do Rio de Janeiro. O estudo, realizado pelo Instituto Trata Brasil, analisou dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (Snis) de 2012, do Ministério das Cidades.

Segundo o ranking, em relação à agua, com exceção de São José do Rio Preto, os 20 primeiros colocados possuem sempre mais do que 95% de atendimento e 12 fornecem o serviço de abastecimento universalizado. A média de atendimento para o grupo dos 20 é de 99,3%, enquanto a nacional é de 82,7%.

Já no que diz respeito à coleta de esgoto, dos 20 primeiros colocados, apenas o município de Praia Grande não possui mais de 90% de atendimento. Somente Santos, Franca e Belo Horizonte possuem o serviço universalizado. Enquanto a média dos 20 é de 95,7%, a nacional é de 48,3%. O tratamento é o que apresenta menores índices. Mas mesmo a média da grupo é de 81,1%, bem acima da média nacional de 38,7%. Os municípios de Franca, Maringá, Jundiaí, Sorocaba, Curitiba, Taubaté e Niterói tratam mais de 90% do esgoto que produzem.

Veja também:  Jean Wyllys sobre Carlos Bolsonaro: “Teve chances de ser uma bicha honrada, mas optou pela homofobia”

Confira abaixo a lista das 20 cidades mais bem classificadas e as últimas 20, segundo o ranking. Veja a íntegra aqui.

As melhores
1º Franca (SP)
2º Maringá (PR)
3º Limeira (SP)
4º Santos (SP)
5º Jundiaí (SP)
6º Uberlândia (MG)
7º São José dos Campos (SP)
8º Sorocaba (SP)
9º Curitiba (PR)
10º Ribeirão Preto (SP)
11º Ponta Grossa (PR)
12º Taubaté (SP)
13º Londrina (PR)
14º Niterói (RJ)
15º São José do Rio Preto (SP)
16º Volta Redonda (RJ)
17º Praia Grande (SP)
18º Belo Horizonte (MG)
19º Uberaba (MG)
20º Piracicaba (SP)

As piores
81º Natal (RN)
82º Manaus (AM)
83º Várzea Grande (MT)
84º Cariacica (ES)
85º Aparecida de Goiânia (GO)
86º Belford Roxo (RJ)
87º Canoas (RS)
88º Juazeiro do Norte (CE)
89º Teresina (PI)
90º São Gonçalo (RJ)
91º Santarém (PA)
92º Gravataí (RS)
93º Duque de Caixas (RJ)
94º São João de Meriti (RJ)
95º Nova Iguaçu (RJ)
96º Macapá (AP)
97º Belém (PA)
98º Jaboatão dos Guararapes (PE)
99º Ananindeua (PA)
100º Porto Velho (RO)

Veja também:  Ao defender Moro, Bolsonaro se refere a Jean Wyllys como "menina que tá fora do Brasil"

(Foto capa: Ruas da Estrutural, Brasília, em 2008. Crédito: Valter Campanato/ABr)

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum