Imprensa livre e independente
10 de outubro de 2017, 09h18

Servidores do Sebrae são obrigados a ver vídeo de Paulo Skaf ao ligar o computador

O presidente da Fiesp também aparece em um comercial do SESI na televisão. A entidade recebe dinheiro público federal

O presidente da Fiesp também aparece em um comercial do SESI na televisão. A entidade recebe dinheiro público federal Da Redação* O pré-candidato ao governo de São Paulo pelo PMDB, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, usou a comemoração dos 45 anos do Sebrae-SP, que também fica sob o comando dele, para promover sua gestão na entidade. De acordo com informações do Painel, da Folha, ao ligarem os computadores, os 1.200 funcionários do Sebrae paulista perceberam que, logo após o login, era exibido um vídeo de Skaf falando sobre o órgão. O acesso só era liberado depois do fim do...

O presidente da Fiesp também aparece em um comercial do SESI na televisão. A entidade recebe dinheiro público federal

Da Redação*

O pré-candidato ao governo de São Paulo pelo PMDB, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, usou a comemoração dos 45 anos do Sebrae-SP, que também fica sob o comando dele, para promover sua gestão na entidade.

De acordo com informações do Painel, da Folha, ao ligarem os computadores, os 1.200 funcionários do Sebrae paulista perceberam que, logo após o login, era exibido um vídeo de Skaf falando sobre o órgão. O acesso só era liberado depois do fim do filme.

Procurado, o Sebrae afirmou que “não há promoção” e que o vídeo “faz parte de uma campanha interna”. “Nele, Skaf parabeniza todos os colaboradores pelo apoio aos pequenos negócios paulistas.”

Skaf aparece também em um vídeo do Sesi São Paulo, entidade que recebe dinheiro público federal. Com o slogan “sonho se constrói com boa gestão e muito trabalho”, Skaf é quem narra e diz ter liderado um “plano ousado” para o Sesi, que foi “transformar escolas que funcionavam em pequenas e antigas instalações em grandes centros educacionais; um padrão de primeiro mundo’.

Veja também:  Bolsonaro divulga texto anônimo que sugere renúncia

 *Com informações do Painel da Folha

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum