Imprensa livre e independente
08 de abril de 2018, 18h15

Suplicy responde críticas de Dom Odilo e compara missa para Dona Marisa a ato para Herzog em 76

Dom Odilo disse lamentar a instrumentalização política do ato religioso de sábado nos Metalúrgicos

O Cardeal Arcebispo Metropolitano de São Paulo, Dom Odilo Pedro Scherer, soltou nota na sua conta do Facebook dizendo que lamenta a instrumentalização política do ato religioso deste sábado em homenagem à Dona Marisa. A nota sofreu diversas críticas de internautas e foi respondida pelo vereador de São Paulo, Eduardo Suplicy, que a comparou com a ato ecumênico para o jornalista Vadimir Herzog, celebrado por Dom Paulo Evaristo Arns e o rabino Henry Sobel. Minha resposta ao Dom Odilo Scherer sobre a missa deste sábado no Sindicato dos Metalúrgicos, em SBC. pic.twitter.com/87l2XSjSkh — Suplicy (@esuplicy) 8 de abril de 2018...

O Cardeal Arcebispo Metropolitano de São Paulo, Dom Odilo Pedro Scherer, soltou nota na sua conta do Facebook dizendo que lamenta a instrumentalização política do ato religioso deste sábado em homenagem à Dona Marisa. A nota sofreu diversas críticas de internautas e foi respondida pelo vereador de São Paulo, Eduardo Suplicy, que a comparou com a ato ecumênico para o jornalista Vadimir Herzog, celebrado por Dom Paulo Evaristo Arns e o rabino Henry Sobel.

Veja abaixo a nota de Dom Odilo

Sobre o ato religioso realizado ontem na frente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, a assessoria de imprensa da Arquidiocese de São Paulo esclarece que:
1. Não se tratou de Missa, mas de um ato ecumênico;
2. Foi iniciativa pessoal de quem promoveu o ato;
3. Não houve participação da CNBB nem da arquidiocese de São Paulo;
4. O ato aconteceu fora da jurisdição e responsabilidade do arcebispo e da arquidiocese de São Paulo;
O arcebispo de São Paulo lamenta a instrumentalização política do ato religioso.

A nota foi muito criticada. Veja abaixo alguns comentários:

Veja também:  Greve geral: Petroleiros paralisam atividades em oito estados e protestam contra desmonte na Petrobras

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum