#Adir Assad

01 de março de 2018, 09h43

Senha pra confirmar que Paulo Preto cobrava propina por Aloysio Nunes foi a pauta da reunião

Souza teria dito que, se os pontos tratados por Aloysio fossem exatamente os que ele listara, era sinal de que ele representava a cúpula do governo paulista naquela época. Foi o que ocorreu


25 de dezembro de 2017, 09h31

Advogado diz que Paulo Preto, operador tucano, não fará delação

Para Daniel Bialski, advogado de Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, acusado de ser operador de esquemas de Alckmin e Serra, seu cliente será mais um a provar que as acusações são falsas


02 de outubro de 2017, 10h34

Delator diz que operador de Serra e Alckmin tinha imóvel como Geddel pra guardar propina

Paulo Preto, ex-diretor da Dersa no governo de José Serra (PSDB), usava o cômodo inteiro de uma casa para guardar dinheiro


24 de agosto de 2017, 09h20

Delator promete entregar extratos que comprovam propina para tucanos em SP

O empresário Adir Assad garantiu que usou empresas de fachada para pagar propina a tucanos como Aloysio Nunes e José Serra através de serviços em obras que nunca foram executados  Por Redação* Depois de assinar um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF), na última segunda-feira (21), o empresário Adir Assad informou […]


09 de março de 2017, 11h52

PF avança sobre empresas suspeitas de Yunes, melhor amigo de Temer

Empresas dos filhos de Assad pagaram ao menos R$ 1,2 milhão para firmas de fachada, ligadas a Yunes. Negócios de Temer em São Paulo são abastecidos pelo esquema.


06 de março de 2017, 09h19

Lobista revela esquema de corrupção nos governos de Serra e Alckmin

Operador financeiro Adir Assad propôs acordo de delação premiada em que afirma ter repassado cerca de R$ 100 milhões para Paulo Preto, diretor da empresa Dersa, que atuou em grandes obras durante a administração dos tucanos, como o Rodoanel, a Nova Marginal Tietê e o Complexo Jacu-Pêssego.


11 de julho de 2016, 09h38

Cavendish, Carlinhos Cachoeira e outros três deixam presídio para prisão domiciliar

Na última sexta-feira, decisão provisória do STF aceitou pedido da defesa de Carlinhos Cachoeira e ampliou medida para outros quatro investigados pela Operação Saqueador. Ambos foram liberados para prisão domiciliar nesta segunda (11).