#anarquismo

12 de junho de 2016, 12h01

Pequeno manual de guerrilha antimídia (2): pegadinhas e trolagens

O jornalista Pedro Bial rugindo de quatro no chão, junto com outros “pacientes” numa sessão de terapia de um “famoso psicólogo” que depois revelou-se falso – um artista plástico norte-americano especialista em “pegadinhas” para desmoralizar a mídia; links ao vivo da TV Globo sendo invadidos por ativistas gritando “ Fora Temer!” ou “ Globo golpista!”; […]


07 de dezembro de 2015, 17h28

Secundaristas: anarquismo temporário contra governabilidade partidarista

Texto e foto por Matheus Moreira Cada ocupação tem suas próprias necessidades. Parece óbvio apontar isso agora, mas não é. Uma vez que as sociedades orientais prezam por preceitos positivistas de ordem, ser diferente demais é sempre um disparate. Mesmo sem grande consciência do teor anarquista que têm esses eventos sociais nas mais de 200 escolas, os […]


09 de dezembro de 2014, 10h00

O consumismo infantil e a culpa

*Texto feito para o blog do MILC (Movimento Infância Livre de Consumismo)   É triste ver como funciona a (falta de) lógica por detrás da defesa da publicidade dirigida ao público infantil. Como eu já disse antes, não faz o menor sentido ficar bradando que a publicidade tem que ser dirigida às crianças porque os […]


11 de agosto de 2014, 08h52

Sou contra o livre-mercado

“Ué, mas você não é anarquista?” Sou. Mas nós não vivemos em uma anarquia. Nós vivemos num Estado, e um Estado bem capitalista. Ser libertário não é ser liberal. Será mesmo que, num contexto de capitalismo selvagem, faz sentido falar em desregulamentação? O capitalismo é baseado na escassez; se nada falta, ninguém compra. Na falta […]


21 de maio de 2014, 15h53

As casas e as regras

”Minha casa, minhas regras”, é o que dizem. E com isso esperam justificar sentirem-se no direito de cobrar, como se lhes fosse devida, a obediência acrítica des filhes. Discordo. Quem trouxe mes filhes para dentro da minha casa fui eu. Assim, não é mais “minha” casa. É “nossa” casa. Nós todes moramos juntes aqui. Por mais indesejada que […]


22 de abril de 2014, 08h46

O meu, o seu, o nosso…

Todo mundo parece que morre de medo de qualquer coisa que não seja o capitalismo porque, fora dele, “não dá para cada um ter as suas coisas”. Eu acho que não é bem assim. Por exemplo: você tem uma furadeira? Se sim, quantas vezes por ano você usa a sua furadeira? E quanto esse trambolho […]


28 de outubro de 2013, 15h32

Ricardo Musse: As manifestações de 1905

Tudo indica que o ímpeto das manifestações, depois de seu ápice durante o mês de junho, tende a diminuir