#Anna Cintra

19 de março de 2015, 18h54

Alunos acusam PUC-SP de “perseguição política”

Por conta de um evento satírico contra Aécio Neves que alunos haviam organizado no ano passado, a reitoria enviou um ofício à Secretaria de Segurança Pública solicitando que o órgão tomasse providências contra três estudantes, que agora são alvo de inquérito policial; universidade alega incitação à violência, uso e tráfico de drogas na instituição. “Não há provas. É perseguição política”, afirma adovgado. Entenda o caso


22 de novembro de 2012, 20h14

Por que a PUC-SP está parada

Dado o histórico recente de intervenção do Vaticano na PUC peruana, o evento ocorrido em São Paulo parece estar no mesmo contexto de avanço conservador da Igreja sobre suas instituições de ensino pelo mundo