#ativo

02 de dezembro de 2017, 12h50

Apesar de presa, registro de Adriana Ancelmo na OAB-RJ continua regular

Ex-primeira-dama do Rio de Janeiro havia sido suspensa preventivamente em dezembro de 2016, mas, após 90 dias de punição, o cadastro voltou a ficar ativo.