#Beatriz Servilha

07 de fevereiro de 2018, 11h35

Nota 1.000 na redação, cotista e filha de pedreiro e telefonista, ela vai ser médica

Beatriz Servilha estuda Libras há dois anos e conta que chorou ao ver que o tema da redação do Enem era sobre surdos: “Filha de pobre também pode ser médica”.