#Bruno Simões Gonçalves

11 de setembro de 2015, 13h17

Sobre o homem e sua anta interior

Se tem uma coisa que me chama atenção nessa história toda é como o patriarcado veio sedimentando (propositalmente?) nos homens uma incapacidade de reflexão mínima sobre as práticas machistas. O macho (direita, esquerda, por dentro, por fora, côncavo, convexo, lunar, terráqueo, de Júpiter, não importa) é uma anta.