#Cândido Vacarezza

26 de dezembro de 2016, 10h10

Partido “Nova Democracia”, de Cândido Vacarezza, irá apoiar Temer

Destituído da liderança do governo na Câmara por Dilma Rousseff em 2012 justamente por sua aproximação com o PMDB, Cândido Vaccarezza assumiu, na última quinta-feira (22), o comando do PTdoB de São Paulo pregando apoio a Michel Temer . Em breve, o partido será rebatizado de "Nova Democracia" e pretende atrair parlamentares descontentes para a base de Temer. Em 2014, Vaccarezza não conseguiu se reeleger para a Câmara, derrota que atribui ao PT. Em 2015, foi indiciado pela Polícia Federal sob acusação de recebimento de propina derivada de contratos da Petrobras.