#Cristóvão Borges

11 de agosto de 2015, 09h24

Técnico do Flamengo enxerga “componentes racistas” nas críticas que recebe da imprensa

"O racista vê o negro como aquela pessoa que deve dizer amém e não deve se colocar. E eu sou a antítese disso. Eu me coloco, tenho posição e defendo as minhas convicções. Então pra eles eu sou tido como um intruso, um abusado, porque cheguei numa posição, ainda me coloco e contesto se eu achar que está errado", afirmou Cristóvão Borges em entrevista à ESPN Brasil