#crônica

22 de outubro de 2015, 23h49

Lelê Teles: Alexandre Garcia e as cotas

ALEXANDRE GARCIA E AS COTAS Lelê Teles ontem, quarta-feira 21, um amigo me chamou para jogar sinuca num boteco estranho, na Orla de Aracaju, chamado Academia Sergipana dos Iletrados, reduto preferencial dos analfabetos políticos de todos os matizes. o amigo me convenceu a ir dizendo que a vantagem do lugar é que a cerveja está […]


24 de setembro de 2015, 16h16

Medo de assombração!?

Quando chego a um lugar e conheço adultos que têm medo de assombração, eu sempre digo que esse é um lugar bom de se viver. Tem medo de assombração quem não precisa ter medo de gente viva. Em cidades violentas, ninguém tem medo de almas do outro mundo. Têm medo de assaltantes. Vejam, principalmente nas […]


06 de setembro de 2015, 13h54

No viveiro Brasil tem muito avestruz, muito pavão para pouco João de Barro

Tem muito avestruz, muito pavão atrapalhando os Joãos de Barro que querem construir um país Estamos mesmo vivendo tempos esquisitos, onde quem perde é a cognição, o debate inteligente e a perspectiva de futuro do Brasil. De um lado os ‘iluminados’, assessores, mais empoderados que o rei que entendem de estratégias (geralmente a estratégia é […]


12 de junho de 2015, 13h21

Lelê Teles: Gil e Caetano em Israel: Elementar, meu caro Waters!

ELEMENTAR, MEU CARO WATERS. (Gil e Caetano em Israel) Por Lelê Teles Rogério Águas, o imortal baixista e compositor do também imortal Pink Floyd, escreveu uma carta aberta a Gil e Caetano pedindo para que os brasileiros se juntassem a um grupo de artistas, de renome internacional, que já se recusaram a tocar em Israel […]


02 de junho de 2015, 16h26

Lelê Teles sobre a FIFA: ‘Chamem os gringos para o soccer, mas não os chamem de sucker”

LA MAISON EST TOMBÉE Por Lelê Teles 02/06/2015 A casa caiu. Caiu Blatter. Aliás, ele não caiu, se jogou. O honorável presidente, manda-chuva do futebol mundial, que acabara de reassumir o cargo, desassumiu em menos de uma semana. Nunca houve uma autodefenestração tão instantânea. Para os incautos, Sepp Blatter dizia que os EUA armavam uma […]


01 de junho de 2015, 16h59

Lelê Teles: sobre o ódio nas redes e nas ruas

A crônica de hoje de Lelê me lembrou o texto de Dimenstein: Não que desta vez não concorde com Dimenstein. Ele está coberto de razão, é de embrulhar mesmo o estômago. Meu problema com o texto de Dimenstein é outro: é a falta de autocritica de figuras públicas como ele que não assumem que tem responsabilidade nisso. […]


20 de maio de 2015, 13h48

Lelê Teles: É só isso, PSDB?

Bom, pra você que perdeu o programa, fique com os melhores momentos :) E na sequência não perca a sensacional crônica do Lelê Teles. É SÓ ISSO O PSDB? Por Lelê Teles Vocês viram o programa do PSDB? Cara, o que foi aquilo? Começou com um aloprado samba tucano, samba de panela sem ritmo, plem, […]


13 de maio de 2015, 16h39

A fina ironia de Machado de Assis sobre a Abolição da Escravatura

Em crônica publicada no dia 19 em maio de 1888 – mês em que foi abolida a escravatura no país –, Machado de Assis descreve um cenário bem atual e ironiza a “liberdade” que negros e negras passaram a ter com o fim da escravidão


20 de abril de 2015, 20h22

Lelê Teles: O TESOUREIRO DO PT E O BLOGUEIRO DE ALCKMIN

O TESOUREIRO DO PT E O BLOGUEIRO DE ALCKMIN Por Lelê Teles Há pouco descobrimos, estarrecidos, que Alckmin pagava com dinheiro público um mentecapto que mantinham uma página na internet recheada de mentiras, falsificações e mau caratismo para achincalhar a imagem de petistas e somente de petistas. O imoral ganhava 70 mil lascas por mês […]


27 de março de 2015, 17h51

Homem diferente tá aí!!!

Uma crônica que mostra que falar a verdade nem sempre é um bom negócio...


19 de março de 2015, 08h17

As cidades mais altas do Brasil e do mundo

Li há tempos um texto escrito por viajantes europeus que passavam pelo Planalto Central do Brasil, há alguns séculos. Nesse texto, não me lembro o(s) autor(es), achavam que aquela região era o “topo do mundo”. Ali o céu parece “baixo”, perto da terra, e essa impressão se justifica. Morando em Brasília uma época, eu tinha […]


25 de fevereiro de 2015, 15h40

Epifania Assombrosa

Correr livre pelas ruas arborizadas do Grajaú. Em plena região metropolitana do Rio de Janeiro. A moça que caminhava subiu na calçada e sem cerimônia pegou uma goiaba no pé. Micos malabaristas saem da mata da reserva e atravessam a rua pelos fios para comer mangas. Idosos caminham sobre o chão forrado com folhas de […]


20 de fevereiro de 2015, 11h48

Cinzeiro, cidadão modelo na crise hídrica

Na crônica de Mouzar Benedito, um singular personagem que pode simbolizar um novo padrão em tempos de falta d'água


10 de fevereiro de 2015, 12h56

Pablo Villaça: falar mal do Brasil é habito de colonizado

Aplaudir a virtude alheia e vaiar os tropeços domésticos é um hábito de colonizado, não de sofisticação Por Pablo Villaça em sua página do Facebook 09/02/2015 O brasileiro no exterior é um ser em constante estado de admiração pelo prosaico. Um engarrafamento ganha o charme de ocorrer em pistas de direções opostas às nossas; o […]


30 de janeiro de 2015, 11h13

Paredes de vidro

Vida. Cuidado. É frágil. Cariocas não gostam de dias nublado, sussurrou a gaúcha. Corri pelas calçadas estreitas. Chegar primeiro dessa vez era por pura solidariedade. Vai chover, mas o que importa? Rumo à clínica médica. Amiga ausente por alguns dias. Sustentada pela tecnologia médica. O motivo da minha pressa não era ela. A vida é […]